As melhores dicas
estão em nosso Blog

13 de Junho
Dicas iniciais para você que quer ter uma página no Facebook

O fato de você notar que precisa ter uma página no Facebook para sua empresa já é um bom negócio. A rede social de Mark Zuckerberg é a mais popular no Brasil e seu uso já passou apenas do pessoal há um bom tempo. A rede é toda otimizada para empresas e anunciantes e tem boa parte do seu lucro graças a esses indivíduos e organizações. Então confira agora algumas dicas para você fazer sua página e começar os seus negócios no Facebook da forma certa:

1- Faça a página e a organize antes de começar sua divulgação

Para que você nunca se esqueça: perfis são para pessoas, páginas são para empresas/instituições/entidades. Se você criar um perfil para uma empresa, em breve você vai assistir o Facebook a derrubar por não cumprir com seus termos de uso. Além disso, uma página tem muito mais funções técnicas, como agendamento de publicações, a chance de fazer publicações pagas (que chegam a mais pessoas), entre tantas outras coisas.

Criada a página, é hora de arrumar a casa. Explore a seção “Sobre” e vá preenchendo as informações técnicas sobre sua empresa. Isso é muito importante pois quanto mais informações a página conter, melhor será para os seus visitantes que querem conhecer mais sobre a empresa. Coloque também uma foto de perfil bonita e visível e também uma capa que harmonize com a foto de perfil. Uma aparência agradável favorece muito sua página perante às outras.

2- Pense com quem você quer conversar

Aqui falamos de algo bem importante: definir o seu público-alvo. Este grupo abrange as pessoas que você quer que vejam sua página e que eventualmente possam vir a consumir/comprar seus produtos/serviços. Por que fazer isso? Simples! Na hora em que você começar a produzir conteúdo para a página, você vai precisar pensar com quem você está falando. Aí que entra seu público-alvo. Mensagens genéricas serão usadas de vez em quando, mas se você estiver com o foco certo, seu conteúdo será muito mais útil e direcionado.

Além disso, saber qual é o seu público-alvo é vital na hora de fazer uma publicação paga, já que você vai investir dinheiro querendo que seus conteúdos cheguem ao público certo, ao público específico. Para saber mais sobre publicações pagas, dê uma lida nesse artigo nosso.

3- Produza conteúdo com qualidade

Ter conteúdo próprio é vital. Referências e inspirações sempre são válidas mas é importante lembrar que o seu público-alvo tem umas especificações que são mais alinhadas a sua empresa, então lembre-se de produzir diretamente para ele.

Além disso, diversifique, varie o tema, o assunto e, claro, não esqueça de vender seu peixe. Mas lembre-se que se você só falar do seu produto/serviço vai se tornar chato e inconveniente. O marketing de conteúdo consiste em dar ao seu cliente coisas interessantes da área para que quando ele precisar de um produto isso faça ele se lembrar de você. Vender seu produto o tempo todo não vai fazer isso acontecer, então inove e faça seu cliente ter apreço por você.

E aí, gostou das dicas? Comente!

Receba contéudos exclusivos
Baixe Gratuitamente